A Igreja

A igreja evangélica brasileira ora por um genuíno avivamento espiritual. Creio que o Espírito Santo já está derramando a chuva do avivamento, que vem impactar e despertar Sua Igreja, restaurando, curando e equipando-a para uma grande colheita antes do fim dos tempos.

Não podemos ficar de fora deste grande momento. Nosso desejo é ver o Brasil dobrando seus joelhos e confessando que só Jesus é o Senhor. Para isto, o Senhor nos deu unção de conquista para conquistarmos São Luís, e o Maranhão será o Estado das multidões para Cristo.

Toda conquista precisa de um plano, uma estratégia para mobilizar exércitos e derrotar o inimigo. Nossa batalha é espiritual, lutamos contra o reino das trevas. Nossa missão é resgatar as vidas para o Reino de Deus, na certeza de que a vitória já é nossa em Cristo Jesus, pois Ele venceu e esmagou a cabeça da serpente (do diabo) na Cruz do Calvário, e ao ressuscitar, triunfou em todas as coisas.

O Seu nome está sob todo nome, toda autoridade Lhe foi dada nos céus e na terra, constituiu-se Cabeça do corpo, Sua Igreja amada. A Visão Celular no Modelo dos 12 é mais do que uma proposta de crescimento da igreja, é uma estratégia de conquista do Reino de Deus. A cada célula que nasce, é uma casa, rua, bairro, conquistado; é um líder que se levanta como conquistador de multidões. Na visão, o discípulo tem uma meta a alcançar: GANHAR, CONSOLIDAR, DISCIPULAR e ENVIAR.

Jesus disse: "a seara na verdade é grande, mas os trabalhadores são poucos, rogai, pois, ao Senhor da seara que envie trabalhadores para a sua seara" (Mateus 9:37-38).

Queridos, há muitas células para serem implantadas, há falta de líderes, nós os convocamos a serem líderes de uma grande multidão, e você, que já é um líder, o desafiamos a ganhar novos discípulos e formar novos líderes. Na unidade do Espírito vamos cumprir nossa missão, viver a visão de Deus para nossa igreja. Cada discípulo faz parte deste plano. Você é importante para Deus e para nós.
No amor do Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo,
 

Apóstolos Sílvio e Alessandra Machado.

O Modelo dos 12

 

O Modelo dos 12 é uma equipe homogênea de líderes, formada por até doze discípulos sob a cobertura de um discipulador, baseada na liderança de Jesus.
Trata-se da estrutura que dá qualidade e unidade à igreja na visão celular. Absolutamente, todos os líderes de célula fazem parte de uma equipe de doze e, portanto, estão sob a autoridade e o discipulado direto de alguém.

O Modelo dos 12, portanto, é uma equipe de discipulado.
Um líder estará investindo sua vida emoutros líderes, que serão a extensão do seu ministério assim como fez Jesus. A palavra-chave no Modelo dos 12 é “relacionamento”. O líder tem que andar junto com seus discípulos, de tal maneira que os conheça profundamente e os influencie com sua vida, através da experiência e testemunho.

O principio do Modelo dos 12 é frutificar por isso as pessoas que dele participam tem que ter assumido o compromisso de dedicar-se à visão e ganhar vidas.
Quem não quiser pagar o preço do ministério, ficará em sua célula apenas sendo apascentado, sem assumir maiores responsabilidades.

Quais as diferenças entre uma Célula e uma equipe de doze?
A célula é aberta e dinâmica. Já a equipe de doze é fechada, restrita apenas aos seus doze membros.

O papel básico da Célula é evangelizar, ganhar vidas. No Modelo dos 12 a ênfase é discipulado, ou seja, formar vidas. Ali se trabalha profundamente o caráter e o ministério dos discípulos. Formar um líder requer paciência e tempo.
Uma célula pode ser formada da noite para o dia, mas uma equipe de 12 custará meses, talvez até anos de trabalho.

Qual o papel do líder do Modelo dos 12?
Ele é um multiplicador, um formador de visão, um líder de líderes. Através de seu ministério, milhares de pessoas estarão sendo alcançadas.

Por isso, deve ser um modelo na santidade, no zelo, no amor pelos perdidos, no quebrantamento, na submissão.