Praticando a Palavra
8 de novembro de 2020
Jesus, o Pão da Vida
15 de novembro de 2020

TRABALHE PELA SANTIDADE DA NOIVA – PARTE 1

 

 

A ordem em Efésios 5:26,27 é: “Para a santificar, purificando-a com a lavagem da água, pela palavra, para a apresentar a si mesmo igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante, mas santa e irrepreensível.”

Nós podemos colocar qualquer ponto e coisas de humanismo na Noiva, mas isso não é projeto de Deus e nunca foi. O projeto para a Noiva é que ela seja santa e tenha honra. Jesus não vem buscar uma noiva deformada, cheia de mácula ou com ruga. Ele vem buscar uma Noiva ornada na santidade e na honra.

Estamos Preparando o Caminho do Senhor e endireitando as veredas. Há um versículo bíblico que diz: “Clama a mim, e responder-te-ei, e anunciar-te-ei coisas grandes e firmes que não sabes.” (Jeremias 33:3)

A Noiva tem princípios a cumprir e eu e você somos partícipes no processo de ensiná-la. Muitos precisam de nós para serem consolidados na fé santa. Estamos aqui para preparar o caminho para que a Noiva possa andar com segurança. E quando o Noivo vier, a Noiva estará pronta.

 

O que é clamor?

No grego, clamor é gritar. No latim, clamor é fazer com que as pessoas observem você. No hebraico, clamor é ser aprovado. O clamor de ser aprovado é uma comunicação de ser aprovado, de forma que a voz passe por todos, sem ruídos, informando a todos que o Noivo chegou para buscar a Noiva.

O significado de clamor, no hebraico, traz essa palavra clamor como uma comunicação perfeita. Não precisa colocar força na voz para clamar, mas precisa colocar vida no caráter. É algo tão forte que significa apenas se esforçar de forma inteligente para ser ouvido.

João 1:19 diz: “E este é o testemunho de João, quando os judeus mandaram de Jerusalém sacerdotes e levitas para que lhe perguntassem: Quem és tu? E confessou, e não negou; confessou: Eu não sou o Cristo. E perguntaram-lhe: Então quê? És tu Elias? E disse: Não sou. És tu, profeta? E respondeu: Não. Disseram-lhe pois: Quem és? para que demos resposta àqueles que nos enviaram; que dizes de ti mesmo? Disse: Eu sou a voz do que clama no deserto: Endireitai o caminho do Senhor, como disse o profeta Isaías.” (João 1:19-23). A voz que clama no deserto não é do Noivo, é da Noiva.

Esse clamor será através da Noiva para que o caminho seja endireitado e as veredas não tenham tropeço. Eu já fui a um casamento no qual a noiva andava e os pés afundavam no tapete e ela mancava e só faltava cair para chegar ao altar, porque o caminho não havia sido bem preparado. Então, esse clamor é:

Para preparar o caminho e não colocar a Noiva no ridículo;

Fazer uma ação inteligente para que o caminho da Noiva seja perfeito e seguro;

Para que o caminho da Noiva não tenha nenhum tipo de adereço contrário à Palavra.

Se cada líder entender a função do M12 nesse processo, teremos muito mais êxito. Os líderes que cuidam da Igreja do Senhor têm a responsabilidade de preparar o caminho para a Noiva, como facilitadores. E isso vai acontecer quando cada um entender e fizer a sua parte.

 

Muitos têm clamado para que Jesus volte. Mas como a Igreja está hoje, Jesus não vai voltar. O Noivo não volta para uma Noiva doente, para a ‘geração do tanto faz’, que não cumpre princípios. Você precisa ter uma palavra de coragem para a Igreja ter cuidado com sua forma de andar.

 

E aqui deixo 3 perguntas para você, como líder M12:

 

  1. Você tem limpado a Noiva e a deixado preparada para receber o Noivo?
  2. O que você está ministrando tem caracterizado ou descaracterizado a Noiva, tem construído ou descontruído a Noiva?
  3. Você tem consciência de que você é uma voz para a Igreja?

 

 

Cuidado para você não se sentir único

O M12 é a voz de todos nós, unidos para preparar o caminho do Senhor. E a nossa voz tem ecoado, apesar das dificuldades que encontramos por causa da nossa comunicação comprometida com a verdade do Reino. E é assim que vamos dar resposta àqueles a quem fomos enviados.

Nessa preparação do caminho, que possamos seguir em unidade, entendendo que unidade é caminhar juntos, ainda que pensemos diferente, contanto que a nossa essência seja a mesma.

A preparação do caminho não é fácil, mas é possível. E nós somos responsáveis nessa preparação, o que nos constitui uma grande honra. Agora, quando lemos João 3, podemos ver que ainda hoje os fariseus estão vivos, e cabe a nós fazermos diferença e entendermos que os ensinamentos do nosso Mestre são para vivermos aqui na Terra e nos garantir a eternidade.

Essas devocionais são para preparadores de caminho. Seja ousado e acredite nessa verdade. Você já tem evidências dessa verdade. Olhe para a sua vida e veja quantas pessoas você já conduziu para Cristo, quantos discípulos você tem ensinado, quantas ovelhas você tem batizado e quantos já foram cheios de Deus por causa da sua vida…

 

Você é um preparador do caminho do Senhor! Então, vigie para não deixar, jamais, faltar o fogo do Senhor. Sei que somos muito alimentados, mas não podemos deixar que isso se torne comum, pelo contrário, temos que evidenciar o poder e o fogo de Deus em nós, para que as vidas sejam tomadas de poder e do sobrenatural de Deus.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *