Focando no M12
22 de novembro de 2020
O M12 nasceu para ser um instrumento de cura – Partes 1 e 2
7 de dezembro de 2020

JESUS E A TRANSFORMAÇÃO DA ÁGUA EM VINHO.

 

 

Reflexão

  • Você já se deparou com alguma situação difícil que, humanamente, era impossível resolver?
  • Se positivo, pode compartilhar uma dessas situações?

 

Texto-chave

João 2:1-10

  • O que mais lhe chamou atenção nesse texto?
  • Você acredita em milagres?
  • Você já experimentou algum milagre em sua vida ou viu isso acontecer na vida de outra pessoa?

Textos complementares: Filipenses 4:6; Jeremias 29:13 e Hebreus 13:8

 

Introdução

Estamos em uma série dos nossos estudos de célula na qual falaremos sobre os milagres de Jesus. Falar sobre milagre é falar sobre o agir poderoso de Deus em alguma(s) área(s) de nossas vidas realizando aquilo que as forças e os recursos humanos são incapazes de efetuar. Nesse estudo, iremos falar especificamente sobre o milagre da transformação da água em vinho o qual acabamos de ler.

As bodas de Caná e as suas implicações para as nossas vidas.

O relato bíblico em questão fala sobre uma festa de casamento que ocorreu em Caná da Galileia na qual Jesus, sua mãe e seus discípulos haviam sido convidados; todavia, durante a cerimônia, faltou o vinho. Essa falta era vista cultural e socialmente como uma falha vergonhosa do noivo, pois ele era responsável em garantir o suprimento de vinho até o final da festa (festa essa que durava em média sete dias). Mas Jesus foi solicitado a intervir, e tendo ordenado que se enchessem de água os seis potes de pedra que ali estavam, transformou a água em vinho, sendo esse vinho muito melhor do que o servido anteriormente. Neste estudo, iremos extrair algumas lições a partir desse fato histórico:

  1. Muitas coisas em nossas vidas podem fugir do nosso controle, mas nunca sairão do controle de Deus. No texto, a falta de vinho foi uma situação que saiu do controle do noivo, mas não saiu do controle de Jesus. Assim também é em nossas vidas, tudo o que sai do nosso controle continua no controle de Deus, por isso podemos descansar nEle;
  2. Precisamos convidar Jesus para entrar em nossa casa, pois quando fazemos dEle participante das nossas vidas, também o damos o poder de agir em nosso favor. Jesus foi convidado naquela festa e assim Ele pôde fazer o milagre. Convide-o para entrar em sua vida e partilhe com ele a sua família, seus bens e projetos, e dê a Ele liberdade para agir em seu favor;
  3. Jesus tem prazer em usar o que temos para realizar o milagre em nossas vidas. Nas bodas de Caná, Jesus usou a água e os potes de pedras que eles tinham e assim fez o milagre. Jesus também olha para o que você tem, por mais simples e insignificante que pareça, não despreze o que você tem, porque Ele pode transformar em uma bênção; valorize os seus dons, a sua família, o seu trabalho etc., e coloque nas mãos dEle e verás a transformação e o milagre.

 

Conclusão

O nosso Deus é o Deus do impossível, não há causa que Ele não possa operar. Submeta-se à vontade dEle; faça as suas petições conhecidas diante dEle (Fp 4:6); busque-o de todo o seu coração (Jr 29:13) e receba a sua vitória!

Apelo

Jesus continua sendo o mesmo (Hb 13:8), e Ele continua disposto a agir. O que você quer que Ele faça em sua vida? Assim como nas bodas de Caná, convide-o a entrar em sua casa, receba-o como Senhor e Salvador da sua vida.

 

Me. Adriano Kilala

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *