Tomando posse do Reino – Parte 2
11 de novembro de 2018
Tomando posse do Reino – Parte 3
18 de novembro de 2018

QUEM SOMOS

Texto:  Salmos 8.4-6

 

 

INTRODUÇÃO

As questões referentes à nossa identidade, quanto ao sentido da nossa existência e a busca do real propósito de Deus para cada um de nós, têm ocupado a nossa mente nestes dias. Existe muita literatura e ensino a respeito disso, mas ninguém tem mais autoridade para ensinar sobre esse assunto do que Aquele que nos criou. O nosso entendimento ao olhar para nós mesmo é ainda muito limitado, assim como é limitada e, muitas vezes, deturpada, a nossa compreensão sobre o Criador.

 

  1. IMAGEM E SEMELHANÇA DE DEUS

Precisamos do Espírito Santo para conhecer e entender o Senhor, bem como precisamos dEle para conhecer a nós mesmos (Sl 139.1-6).

Se por um lado diante de Deus nos sentimos pequenos e insignificantes, por outro lado, a Sua Palavra nos revela o quanto somos importantes e quem verdadeiramente somos: imagem e semelhança do Criador, e feito Seus filhos mediante Jesus Cristo (Gn 1.26; Rm 8.16; Jo 1.12).

Fomos criados por Deus e para Deus, para o louvor da Sua glória (Ef 1.12,14), a fim de sermos parte da Sua família, andando na Sua presença, debaixo das Suas onipotentes mãos e cuidados numa relação plena de amor e liberdade.

 

  1. A CONDIÇÃO ORIGINAL DEVOLVIDA

Fomos criados para sermos livres mas também responsáveis diante de Deus. Não podemos fazer da nossa liberdade um meio para ignorarmos a vontade do Senhor, escolhendo os nossos próprios caminhos, estabelecendo o nosso próprio reino, construindo os nossos próprios sonhos e, assim, virando as costas para Ele.

Infelizmente, o homem do mundo assim procede, porém Deus não desiste dele, e lhe apresenta o “Verbo que se fez carne” – Jesus, a fim de estabelecer a reconciliação e devolver-lhe a condição de imagem e semelhança do Criador.

 

CONCLUSÃO

Nós somos o que pensamos ser e o que está registrado na nossa mente. Tudo que o homem alcança e tudo que deixa de alcançar é o resultado dos seus pensamentos. Então, não é o que você é que lhe paralisa, mas o que você pensa que você não é. A Palavra nos diz em Provérbios 23.7: “Porque, como imaginou na sua alma, assim é; ele te dirá: Come e bebe; mas o seu coração não estará contigo”.

 

 

Fonte: com12.com.br

 

Os comentários estão encerrados.