Líderes fortes, discipulado forte – Parte 1
agosto 29, 2019
Sou Filho legítimo
setembro 4, 2019

Arrependimento

ARREPENDIMENTO

 

 

Texto: “E, naqueles dias, apareceu João Batista pregando no deserto da Judéia e dizendo: Arrependei-vos, porque é chegado o Reino dos céus.”( Mateus 3:1,2)

A mensagem pregada por João Batista era clara e objetiva: o povo deveria se arrepender dos seus pecados, pois o Reino de Deus havia chegado através do Messias – Jesus Cristo de Nazaré.

Arrependimento vem do grego metanóia que quer dizer mudança de atitude e de mentalidade.

O que João estava dizendo era que o povo deveria mudar de atitude e se tornar um discípulo de Jesus porque o Seu Governo estava sendo estabelecido na terra.

 

Mas mudar acerca do quê?

 

Da nossa condição – de pecador, de pessoas que se voltam contra Deus em atitudes de desobediência e rebeldia desde os tempos de Adão. Rm 3:23 nos informa que “ todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus” e que por causa do pecado de Adão entrou o pecado no mundo, e pelo pecado, a morte, assim também, a morte passou a todos os homens, por isso que todos pecaram.( Rm5:12)

 

O que o arrependimento produz em nossas vidas:

Dependência completa de Deus, pois passamos a andar em sua direção e sermos obedientes em todas as áreas das nossas vidas. Assim, passamos a ter raízes no Senhor e começamos a dar outros frutos dignos de arrependimento e de uma nova vida.

 

Jesus nos dá as diretrizes de um arrependimento genuíno

E dizia a todos: Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, e tome cada dia a sua cruz, e siga-me (Lucas 9:23)

 

Negar-se a si mesmo, significa renunciar a sua própria vida, entregá-la a Jesus para que Ele seja Governo e Rei absoluto.

 

Tomar a sua cruz   é assumir o compromisso definitivo com Cristo, é amar Deus sobre todas as coisas, é dizer como o apostolo Paulo: Já estou crucificado com Cristo; e vivo não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne, vivo-a na fé do Filho de Deus, o qual me amou e se entregou a si mesmo por mim (Gálatas 2.20).

 

CONCLUSÃO

A mensagem do Evangelho continua a mesma: arrependimento e conversão para que o Reino do Messias se estabeleça em nossas vidas, trazendo transformação, mudança de atitude, paz e acima de tudo vida eterna. Então, não perca tempo arrependa-se de um dia ter se afastado de Deus,  entregue o governo da sua vida a Jesus, mude de fardo e tenha vida eterna.